Erro
  • JFolder::files: O caminho não é um diretório. Caminho: /home/desitesi/public_html/hidrusbrasil.com.br/images/22
  • JFolder::files: O caminho não é um diretório. Caminho: /home/desitesi/public_html/hidrusbrasil.com.br/images/23
  • JFolder::files: O caminho não é um diretório. Caminho: /home/desitesi/public_html/hidrusbrasil.com.br/images/24
Aviso
  • There was a problem rendering your image gallery. Please make sure that the folder you are using in the Simple Image Gallery Pro plugin tags exists and contains valid image files. The plugin could not locate the folder: images/22
  • There was a problem rendering your image gallery. Please make sure that the folder you are using in the Simple Image Gallery Pro plugin tags exists and contains valid image files. The plugin could not locate the folder: images/23
  • There was a problem rendering your image gallery. Please make sure that the folder you are using in the Simple Image Gallery Pro plugin tags exists and contains valid image files. The plugin could not locate the folder: images/24

EXPERIÊNCIA PIONEIRA E EFICIÊNCIA COMPROVADA

A Hidrus desenvolveu o mais moderno e compacto sistema de tratamento de esgotos, através de Reatores Anaeróbios em fibra de vidro com capacidade para tratar efluentes de uma residência unifamiliar de 6 pessoas até 1.000 habitantes e em série podendo atender grandes populações de bairros e cidades, com eficiência de até 95% de redução da DBO.

É conhecido como Biodigestor Anaeróbio de Fluxo Ascendente, testado e aprovado pela CETESB/SP que já instalou este sistema em vários bairros da capital e interior.

      


Estação compacta de tratamento de efluentes

 

A água, cada vez mais, é um bem raro e finito. De toda a água disponível no planeta:97,6% é salgada; 2,4% é doce; 0,8% apenas é aproveitável para o consumo humano. Se for usada indiscriminadamente, pode até desaparecer. Veja Como é Possível Evitar isto. Clique abaixo e assista ao video.

VANTAGENS SOBRE OS PROCESSOS TRADICIONAIS E AERÓBIOS


- Não polui e protege o Meio Ambiente;

- Trata esgoto de 6 pessoas até 20.000 habitantes;

- Necessidade de pouca área para instalação;

- Baixos custos de implantação, da ordem de U$ 30,00 U$ 50.00 per capita;

- Baixa produção de sólidos (lodo), cerca de 5 a 10 vezes inferior a que ocorre em outros processos;

 - Ideal para Residências, Condomínios, Hotéis, indústrias, Hospitais, Clubes, Embarcações, etc...


Conjunto de Fossas e Filtros em Série para 500 casas (2500 hab)
 

EXPERIÊNCIA PIONEIRA E EFICIÊNCIA COMPROVADA

A Hidrus desenvolveu o mais moderno e compacto sistema de tratamento de esgotos, através de Reatores Anaeróbios em fibra de vidro com capacidade para tratar efluentes de uma residência unifamiliar de 6 pessoas até 1.000 habitantes e em série podendo atender grandes populações de bairros e cidades, com eficiência de até 95% de redução da DBO.

É conhecido como Biodigestor Anaeróbio de Fluxo Ascendente, testado e aprovado pela CETESB/SP que já instalou este sistema em vários bairros da capital e interior.

      


Estação compacta de tratamento de efluentes

 

TRATAMENTO MAGNÉTICO DA ÁGUA DURA
A ÁGUA E O SEU USO


Definições: Qualquer água possui sais em porcentagens variadas, Os sais mais encontrados são os carbonatos de cálcio e de magnésio que se apresentam dissolvidos e que caracterizam o nome água dura.


 

POR QUE A ÁGUA DURA PRECISA SER TRATADA?

A água dura, tanto no emprego industrial quanto no doméstico, apresenta inúmeros problemas, o maior é que provoca depósitos nos encanamentos e nas tubulações das torres de resfriamento, caldeiras, trocadores de calor e tantos outros equipamentos. Esses depósitos são conhecidos como "incrustações" que chegam a obstruir totalmente as tubulações, danificando os equipamentos e comprometendo sua eficiência. 

A foto ao lado  mostra uma tubulação de 6 polegadas de diâmetro fortemente incrustada, onde a passagem de água foi reduzida em aproximadamente 60%, e sua eficiência térmica praticamente a zero. O tubo encontrado numa fábrica de gelo de um cliente, teve toda a incrustação retirada depois de 10 semanas.

O sistema de condicionar água dura por meio magnético dispensa qualquer produto químico, meios mecânicos ou eletricidade. Além de impedir a formação de incrustações, ainda retira as existentes, reabilitando progressivamente a tubulação. 


 

QUAL É O PRINCÍPIO DO SISTEMA?

O sistema induz na corrente de água que circula pela tubulação, um campo magnético altamente concentrado.

Antes de Depois 

 


As microfotografias acima mostram o que acontece com maior componente das incrustações, o carbonato de cálcio, sob a influência do campo magnético altamente concentrado, produzido pelo condicionador magnético. Este sal de Cálcio pode ser encontrado em duas diferentes formas cristalinas: a Calcita, cujos cristais se assemelham a agulhas; esta forma de cristalização é a que deposita como incrustação. Quando a água passa pelo condicionador magnético, há uma alteração física de estrutura para uma forma mais favorável, a Aragonita, cuja estrutura é termodinamicamente estável e que não permite que os minerais entrem em dissolução, ou seja, se depositem nas paredes das tubulações. Nessa nova condição, além de não permitir a formação de cascas, retira também as cascas que porventura já existam. 

 
O campo de energia criado pelo condicionador magnético é permanente e assim pode-se dizer que sua vida é infinita. O condicionador tem uma garantia efetiva de 10 anos.

O condicionador é instalado na parte externa da tubulação envolvendo o tubo em qualquer posição: horizontal, vertical ou inclinada. Montado em módulos, a quantidade é calculada em função do diâmetro externo da tubulação.

O condicionador é aplicado nos mais diversos campos, como por exemplo, a industria (torres de resfriamento, caldeiras, trocadores de calor, compressores, injetoras e extrusoras de plásticos, etc), sistemas de ar condicionado, condomínios e residências, agricultura, pecuária, horticultura, avicultura, automóveis, caminhões, ônibus, tratores etc...

Colocamos à disposição dos interessados, literatura específica e completa sobre sua utilização em outras áreas.

FOTO ILUSTRATIVA DE UM CONDICIONADOR

É instalado na parte externa no tubo rapidamente, por meio de braçadeiras e parafusos com porcas, fornecidas com o conjunto. O tamanho é selecionado de acordo com o diâmetro do tubo.




 

INCRUSTAÇÃO EM TUBULAÇÃO ANTES DA INSTALAÇÃO DO CONDICIONADOR MAGNÉTICO

     


TUBULAÇÃO APÓS COLOCAÇÃO DO CONDICIONADOR MAGNÉTICO

   


TRATAMENTO MAGNÉTICO E A CORROSÃO

A redução da corrosão é outra das grandes vantagens do condicionador magnético.
A NASA (The National Aeronautics and Space Administration) testou água tratada magneticamente e a água tratada quimicamente a fim de comparar as taxas de corrosão de amostras submetidas aos dois sistemas.

Os resultados relatados mostraram que taxa de corrosão, quando utilizados o sistema químico, ficou entre 1 a 50 milésimos de polegada por ano, quando o máximo aceitável seria de 4 milésimos. Quando tratada magneticamente, a taxa de corrosão foi de 0,0 milésimos por ano, ou seja, nenhuma.

As amostras abaixo, mostram o tratamento químico convencional nas amostras "A" e "B" e o tratamento magnético na amostra "C".
 

Publicado em Produtos

FILTRO BIOLÓGICO HIDRUS

A novidade que a HIDRUS trás ao mercado brasileiro é o tratamento pós tanque séptico, Septo Difusor.
Este equipamento é um sistema de filtragem biológica que tem como principal característica a redução da área necessária para o tratamento dos efluentes. Baseia-se na associação de camadas permeáveis de geotextil sintético dispostas verticalmente, e por placas de polietileno termoformatadas que enrijecem o conjunto e garantem uma função de reservatório. São dispostas paralelamente e a distribuição do efluente se dá através de uma tubulação perfurada localizada no centro da estrutura. O efluente tratado (filtrado) e é drenado para uma camada de areia seguida por outra de pedra britada.
O abatimento da DBO5 na associação do Tanque Séptico HIDRUS
e de um Filtro Biológico é de 90% a 96%.
A qualidade deste tratamento possibilita que o efluente final possa ser reutilizado após desinfecção por cloro, tratamento UV ou aplicação de ozônio. Para lavagem de calçadas, aspersão no jardim ou volta ao sistema individual hidráulico para vasos sanitários.


                          

           Tabela Dimensional Filtro Biológico

          MODELOS        DIMENSÕES          PESO
              250             1,22 x 0,65 x 0,20      10 Kg

            1.000           1,20 x 1,00 x 0,40       40 Kg

Publicado em Catálogo

“TRATA ESGOTOS DE 10 À 20.000 HABITANTES”

Os tanques sépticos em conjunto com filtros anaeróbios são projetadas para operarem como biodigestor anaeróbio, aumentando a eficiência do tratamento de efluentes domésticos, com índices acima dos exigidos pelas autoridades ambientais. São produzidas em polietileno rotomoldado, com tecnologia européia e capacidades que variam de 1.500 à 10.000 litros. Possuem compartimentos e defletores, que forçam o fluxo no sentido ascendente fazendo com que a matéria orgânica seja localizada em uma câmara de digestão anaeróbia, onde o material é biodigerido por microorganismos naturais. Outra câmara, faz com que os gases sejam separados e descartados.
Ainda possuem internamente um pré-filtro, que faz com que a massa orgânica permaneça em contato com a colônia de microorganismos, aumentando ainda mais a eficiência no tratamento.

Instaladas em série podem atender populações de até 20.000 pessoas. Os sistemas são desenvolvidos e executados pela Hidrus Tecnologia Ambiental.
Operando em conjunto com caixas seletoras de resíduos, caixas de gordura, calhas parshal, desarenadores, elevatórias, reatores anaeróbios, também produzidos em
polietileno rotomoldado e fibra de vidro, formam o mais perfeito sistema que existe, para tratamento biológico de águas residuais.

INSTALAÇÃO DE TANQUE SÉPTICO E FILTRO ANAERÓBIO{gallery}22{/gallery}

FILTRO DE CARVÃO ATIVADO PARA EFLUENTES (PRODUTO PATENTEADO)

Utilizado em tratamento de efluente após a Caixa Separadora de água e Óleo em Postos de Combustiveis, Lavagem de Veículos, Tanques de Óleo, etc...

{gallery}23{/gallery}

CAIXA SELETORA DE RESÍDUOS (PRODUTO PATENTEADO)

Utilizada como tratamento primario, antes do Tratamento por Tanque Séptico e  Reator Anaeróbio, para retirada de objetos ( plasticos, preservativos, absorventes íntimos, etc...) lançados na rede de esgoto e muito útil na saida das grandes cozinhas ou cozinhas industriais para evitar que resíduos alimentares sejam lançados na caixa de gordura prejudicando sensivelmente o escoamento e pós tratamento. As grades são móveis para facilitar a limpeza. Este produto é um lançamento exclusivo da Hidrus.

{gallery}24{/gallery}

Publicado em Catálogo
Sky Bet by bettingy.com